quinta-feira, 8 de maio de 2014

Haraquiri


 Vou cometer haraquiri.
 Não, isto não é uma ameaça. Isto é um aviso.
 Por favor, afaste-se.
 Afaste-se enquanto é tempo.
 Tempo de correr do calor das chamas que eclodirão por todo o meu corpo.
 Por favor, afaste-se.
 As labaredas que lamberão minha pele começarão pela cabeça.
 Sentirei o conforto e emoção de finalmente fazer algo certo.
 Vou cometer haraquiri.

 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Margeando

Photo by @beholdvoid Amarrar o tênis sempre me causa aflição, fica uma ponta grande e outra pequena. Lembro de deixar de ir à lugares por co...