segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Beija-Me Logo.



     A combinação perfeito entre dois corpos é o beijo.
     Simples, calmo, avassalador, selvagem, pitorescamente singelo, com toda força, paixão, desejo, tristeza, amor, desgosto, medo, tremulação despojada de sensatez quiçá ternura. 
    O beijo é terno, álbum, pele com gosto de carne. 
    Veste-se de normalidade e vulgaridade maior entre muitos, mas veste-se bem.
    Seja de tamanho pequeno ou grande, acomoda-se melhor se houver sempre algum ou outro movimento cego. 
   Único movimento no vasto breu que não necessita controle, comando ou tato maior.
   Automático e controlável ele é. 
   Modesto e safado, o beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ultimo suspiro

  Imagem por breezeh ou @briscoepark Navegar pelas redes sociais em tempos de pandemia é um caminho tortuoso. No começo, entre os três prime...